Notícias

Entenda porque países da Europa reprovam o uso de máscaras de tecido.

Governo francês alerta que máscaras caseiras podem não proteger tão bem e indica modelo que auxilia na filtração.



A França proibiu o uso de máscaras de tecido, pois esses modelos caseiros podem não oferecera proteção necessária. Por lá agora é exigido o uso de máscaras profissionais, como a KN95. Alemanha e Áustria também já exigem o uso de máscaras profissionais em locais mais propícios de aglomeração, como transporte público e comércio.


O modelo KN95 vem sendo muito indicado por cientistas por apresentarem benefícios importantes como:


  • Possibilita uma maior vedação.

  • Auxilia na filtragem mecânica e eletrostática.

  • Reutilizável.

Em entrevista ao nosso blog, cientísta disse que a máscara de pano foi um plano de emergência, um plano B. Ele alertou que em vez de termos aumentado a escala das máscaras melhores, se normalizou que a de tecido era a solução, mas não é.


POR QUE A MÁSCARA KN95?



Vedação - Com elásticos presos à orelha, estrutura semirrígida e peça metálica ajustada ao nariz, a máscara ajuda a impedir que o ar entre pelas laterais, isso pode proporcionar uma maior filtração do ar. Depois de ajustá-las ao rosto, a recomendação é checar se não está "vazando" ar pelas laterais.

Filtragem - Todo o ar inspirado e expirado passa por um filtro, que é composto por várias camadas que fazem filtragem mecânica (partículas colidem e ficam presas nas fibras) e eletrostática (partículas são atraídas por fibras com carga elétrica.


Segurança - Essa combinação de vedação e filtragem pode promover uma maior eficiência.

Usabilidade - A máscara KN95 é confortável e reutilizável (quando usada em ambientes não hospitalares). Para isso, a orientação é deixar a máscara em local arejado, evitando exposição ao sol, por pelo menos três dias antes de usar novamente (e não aplicar álcool, sabão ou qualquer desinfetante). Em relação à quantidade de usos da mesma máscara, é necessário observar a capacidade de vedação e integridade do material. Com esses cuidados, pode ser possível usar cerca de 10 vezes.


MÁSCARA DE TECIDO


  • Como não obedecem a um padrão de confecção, seu nível de proteção pode ser baixo.


  • Máscara de pano não é classificada como equipamento de proteção individual (EPI) e deixou de ser aceita em alguns países.


MÁSCARA PROFISSIONAL (KN95)


  • Auxilia na filtração de micro particulas.


  • Maior conforto.




fonte : já Noticias






317 visualizações0 comentário